DEMANDA POR TRANSPORTE SOBRE TRILHOS CRESCE 10% AO ANO
O setor metroferroviário de passageiros é responsável pelo transporte de 8,5 milhões pessoas por dia e essa demanda aumenta cerca de 10% ao ano. No entanto, os investimentos não acompanham essa demanda crescente e, atualmente, giram em torno de 3% ao ano. Para ressaltar a importância da continuidade dos investimentos nesse setor, a ANPTrilhos – Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos promoverá no Construction Congresso – Edificações e Obras de Infraestrutura, o seminário Mobilidade sobre Trilhos – Projetos e Obras, no dia 5 de junho, a partir das 17h, na Sala Oiti.

“Apesar da alta capacidade para transportar pessoas, a falta de investimentos nas últimas décadas impediram o desenvolvimento do setor de passageiros sobre trilhos, levando ao limite de sua capacidade. No entanto, impulsionado, principalmente, pelos grandes eventos esportivos – Copa do Mundo da FIFA de 2014 e Jogos Olímpicos de 2016 – o Poder Público voltou a dar atenção ao segmento com projetos e obras que proporcione o seu crescimento”, afirma Roberta Marchesi, gerente Executiva da ANPTrilhos.

Os investimentos anunciados pelo governo federal para a construção e melhoria dos sistemas de passageiros sobre trilhos são avaliados pela entidade de forma positiva. “Com 84% da população brasileira vivendo em áreas urbanas, o transporte tornou-se um dos gargalos mais evidentes no País. Para que esse problema seja solucionado são necessários grandes investimentos no setor”, explica Roberta. São mais de R$ 100 bilhões destinados para cerca de 80 projetos do setor metroferroviário de passageiros.

Para Roberta, a efetivação dos projetos lançados pelos governos federal e estaduais, como, a expansão do Metrô-DF, a implementação do metrô de Curitiba, metrô e trem urbano de Salvador, monotrilho para as cidades de Manaus e São Paulo e VLTs (veículos leves sobre trilhos) para Cuiabá, Brasília e Fortaleza, entre outros, são fundamentais para tornar eficiente a mobilidade das pessoas nas cidades brasileiras. “Com a efetivação desses projetos, as empresas metroferroviárias brasileiras esperam dar um impulso no investimento do modal quebrando o ciclo gargalos que compromete o crescimento do setor,”destaca.

De acordo com dados da ANPTrilhos, somente o sistema metroviário retira, diariamente, 1 milhão de carros dos centros urbanos brasileiros, o que reduz o tempo de deslocamento, eleva a qualidade de vida da população e aumenta a produtividade. Apesar das ações promovidas pela entidade no sentido de melhorar a eficiência e desenvolver o segmento, o Brasil ainda possui apenas 11 estados brasileiros com esse sistema de transportes. “O atual estágio de desenvolvimento do Brasil não permite mais pensar em transporte urbano de forma isolada, com apenas uma alternativa de deslocamento. Os centros urbanos crescem muito rápido e a população está cada vez maior, o que exige pensar transporte urbano de forma integrada”, pondera Roberta.

Por isso, a gerente Executiva da ANPTrilhos ressalta que o debate sobre o tema Mobilidade sobre Trilhos – Projetos e Obras poderá contribuir para dar mais visibilidade à importância da continuidade de investimentos em transportes de alta capacidade no Brasil. As inscrições para o seminário podem ser realizadas no site: http://www.constructioncongresso.com.br/index.php/programa/palestra/42
Aproveite para visitar também:
Visite o Site Visite o Site
APOIO
Entidades

Mídia
Realização:
Local:
Sobratema - Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração
Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj 401 - Água Branca - CEP 05001-000 - São Paulo/SP - Tel. 11 3662-4159 - Fax. 11 3662-2192
sobratema@sobratema.org.br